Centrais criticam redução tímida dos juros

Em sua última reunião do ano, o Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central (BC) promoveu nesta quarta (30) a terceira redução consecutiva de 0,5 ponto percentual na taxa básica de juros (Selic), que baixou de 11,5% para 11% ao ano. A decisão foi criticada pelas centrais sindicais, que divulgaram nota conjunta tachando a medida de “tímida”.

Com isso, a taxa que remunera os títulos públicos depositados no Serviço Especial de Liquidação e Custódia, termina o ano ainda acima, embora mais próxima, dos 10,75% do final de 2010.
De acordo com nota divulgada há pouco, o Copom justifica que “dando seguimento ao processo de ajuste das condições monetárias, decidiu por unanimidade, reduzir a taxa Selic para 11% ao ano, sem viés”. Ou seja, não há possibilidade de revisão da taxa. Numa linguagem destinada ao mercado financeiro, o órgão afirma: “O Copom entende que, ao mitigar tempestivamente os efeitos vindos de um ambiente global mais restritivo, um ajuste moderado no nível da taxa básica é consistente com o cenário de convergência da inflação para a meta em 2012.”

Política equivocada

No começo deste ano, o colegiado de diretores do BC optou pelo aperto monetário, sob pressão do sistema financeiro e a pretexto de combater o aumento da inflação. Com isso, elevou a Selic por cinco reuniões seguidas até atingir o pico de 12,5%, no dia 20 de julho. O aumento acumulado do período foi de 1,75 ponto percentual e teve papel determinante, ao lado do ajuste fiscal de R$ 50 bilhões, na forte desaceleração das atividades produtivas. A política já era equivocada à época, uma vez que os sinais de agravamento da crise da dívida nos EUA e Europa se multiplicavam.
A partir do segundo semestre, diante do notório agravamento da crise da dívida na Europa, o comitê mudou de orientação e, mesmo contrariando os porta-vozes do mercado financeiro, passou a apostar na redução da taxa, ao ritmo 0,5 ponto percentual a cada reunião realizada a partir do final de agosto, ritmo considerado tímido por representantes de trabalhadores e empresários do setor produtivo.

Leia matéria completa com a Carta das Centrais clicando no link abaixo:

http://feebbase.com.br/site/index.php?option=com_content&Itemid=&task=view&id=16840

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: