Banco do Brasil não marca negociação

O Banco do Brasil ignora os funcionários e não marca as mesas temáticas para debater as reivindicações da categoria. No calendário proposto pelos bancários havia previsão de reunião nesta segunda e terça-feira (05 e 06/12).
Na pauta de discussões, a jornada de trabalho de seis horas e saúde e Previdência dos funcionários egressos de bancos incorporados. As questões referentes ao PCR (Plano de Carreira e Remuneração) seriam discutidas a partir do dia 16 de janeiro de 2012.
O problema é que até agora, o Banco do Brasil sinalizou vontade em sentar para negociar. O único encontro com a direção da empresa depois da campanha salarial, ocorreu em 23 de novembro, quando todas as reivindicações dos funcionários foram negadas.
Com relação à jornada de seis horas, a empresa se comprometeu em analisar as críticas e ponderações do movimento sindical e apresentar uma proposta em uma próxima reunião, que, pelo andar da carruagem, não deve acontecer neste ano.
Fonte: O Bancário
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: