Bancária ganha causa contra o Bradesco

Uma funcionária do Bradesco ganhou o direito de usar o plano de saúde oferecido pelo banco, mesmo depois da demissão. A sentença foi dada pelo TST (Tribunal Superior do Trabalho) de forma unânime.
Os ministros concluíram que, em caso de a Previdência Social conceder o auxílio-doença no período do aviso-prévio, os efeitos da dispensa só passam a valer quando o prazo do benefício acabar.
Neste caso, o aviso-prévio teve início no dia 10 de agosto de 2005 e o auxílio-doença em 26 de agosto de 2005, por isso, a empregada foi beneficiada com a utilização do plano de saúde enquanto estiver afastada, e ainda com a garantia provisória no emprego de 60 dias após a alta médica.

Fonte: O Bancário

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: