Bancários ansiosos pela segunda parcela da PLR

PLR maior foi conquista da greve dos bancários. Agora a categoria vai lutar pela isenção do Imposto de Renda no benefício

Alguns bancos já publicaram o lucro obtido em 2011. A expectativa é que o Itaú divulgue o balanço amanhã, o Banco do Brasil no dia 14 de fevereiro. A Caixa e o HBSC ainda não informaram as datas. Diante disso, o movimento sindical quer que os bancos antecipem o pagamento da PLR e do valor adicional, apesar de saber que a data limite é 1º de março.

Regras 

Nas instituições privadas, a PLR corresponde a 90% do salário mais o valor fixo de R$ 1,4 mil, limitado a R$ 7.827,29. No ano passado, a primeira parte desse valor foi antecipada, ou seja, 54% do salário mais R$ 840,00, limitado a R$ 4.696,37.
Se a distribuição para os funcionários for inferior 5% do ganho líquido anual, o banco tem de aumentar os valores até chegar aos 5% ou o teto de 2,2 salários, limitado a R$ 17.220,04.
A parcela adicional, paga sem desconto da PLR e dos programas próprios de remuneração, corresponde à distribuição de 2% do lucro líquido entre o quadro de empregados, limitado a R$ 2,8 mil.
Em 2011, os trabalhadores receberam adiantamento de até R$ 1.400,00. Até a data limite (1º de março), os trabalhadores devem receber o restante do valor adicional, que pode chegar a até R$ 1,4 mil.

Pagamento

O banco Safra já efetuou os créditos em dezembro. A Caixa acompanha a regra da PLR e do valor adicional, presente em acordo assinado com a Fenaban (Federação Nacional dos Bancos). Todavia, também consta no acordo específico, a PLR Social, que equivale à distribuição linear de 4% do lucro líquido de 2011, que deve ser paga até março.
Os funcionários do Banco do Brasil recebem a PLR semestralmente, composta pela distribuição de 4% do lucro líquido, somada aos módulos bônus e Fenaban (Federação Nacional dos Bancos).
Imposto de Renda
Agora que as atividades foram retomadas no Congresso Nacional, o movimento social volta a tratar sobre a isenção da PLR no Imposto de Renda. No final do ano passado, diversas categorias, inclusive a bancária, encaminharam ao Congresso e ao Governo Federal um abaixo assinado, com 220 mil assinaturas, com esta finalidade. Dirigentes sindicais também participaram de audiências para debater o tema.

Fonte: O Bancário

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: